Resenha: Seduzida por um Guerreiro Escocês - Montgomery e Armstrong # 1 - Maya Banks

Título: Seduzida por um Guerreiro Escocês - Montgomery e Armstrong #1
Autora: Maya Banks 
Editora: Universo dos Livros 
Páginas: 416
Compre: Aqui



Eveline Armstrong é imensamente amada e protegida por seu clã, mas as pessoas a consideram diferente, pois apesar de ser linda e encantadora, a moça sofreu um acidente que lhe causou sequelas não só psicológicas, mas também físicas, visto que ela ficou surda. Satisfeita com sua vida reclusa, ela aprendeu a ler lábios e permitiu que o mundo a enxergasse como uma tola. Contudo, quando um casamento arranjado a torna esposa de Graeme Montgomery, integrante de um clã rival, Eveline aceita seu destino - despreparada para os deleites que viriam. Enredado pelos mistérios de Eveline, cujos lábios silenciosos são cheios de tentação, Graeme vê seu casamento ameaçado devido às rivalidades entre clãs e agora deverá enfrentar inúmeras adversidades para salvar a mulher que lhe despertou tanto amor.








Tragam mais livros da Maya que tá pouco! Estou viciada na escrita da autora e já termino um livro já caçando outro para ler. Se você também é assim como eu que adora os livros da autora Maya Banks, não pode deixar de conferir essa resenha. Mais uma leitura cinco estrelas dessa autora e vou contar o porque nessa resenha.

"Graeme a a fascinava. Não era como se pudesse ouvir suas palavras, mas a voz dele soava como um zumbido grave e prazeroso em seus ouvidos. Um raio de luz em seu sombrio mundo de silêncio."

Seduzida por um Guerreiro Escocês é o primeiro livro da série Montgomery e Armstorng, da autora Maya Banks. Se você gosta de livros com guerreiros, mocinhas prometidas, batalhas e livrros cheio de reviravolta esse livro é para você. Eu confesso que estou viciada em tramas assim, não posso ler guerreiro ou highlander na capa que já quero. As editoras estão percebendo que esse tema agrada e cada vez mais livros com essa temática são publicados. E quem ganha é claro é nós Malucas por Romances.

O livro começa com o Rei tendo a ideia de juntar os dois clãs Montgomery e Armstrong com um casamento arranjado. Cansado das guerras e de derramamento de sangue, ele decreta que Graeme Laird do clã Montgomery tem que se casar com Eveline filha do laird do clã Armstrong. Nenhum dos lados estão satisfeito com isso, mas desacatar a ordem do rei é o mesmo que ser um clandestino e fora da lei. Forçado a se casar Graeme vai até sua noiva no clã inimigo, só que tem um detalhe, corre um boato que Eveline é doida. Eveline caiu do cavalo e nunca mais foi a mesma, só que ela não é louca e sim  surda. Para fugir de um casamento arranjado ela não desmente quando dizem que ela é maluca para não se casar. Eveline sonha com casamento, filhos, uma família, mas será que o outro clã vai aceitar ela? Será que esse casamento vai dar certo? Aí só lendo pra descobrir rsrs.

Eveline foi uma mocinha que simpatizei desde o primeiro momento e entendi o por que ela esconder sua surdez de todos. Foi um modo que ela teve de escapar de um casamento que ela não queria, e naquele tempo as mulheres eram dificilmente ouvidas, mesmo sendo amada por sua família. Foi impossível não gostar dessa personagem que mesmo sendo surda, ela só quer ser aceita pelo seu novo clã e ter uma família. Para ser aceita ela vai passar por poucas e boas e vai ser impossível você não simpatizar por Eveline nesses momentos. Ela vai comer o pão que o diabo amassou na mão das mulheres do clã que ainda enxergam ela como inimiga, mesmo sendo casada com o laird do clã.  Para provar que ela é fiel ao clã vai fazer de tudo, até mesmo os trabalhos pesados. Eveline é um guerreira e com certeza se tornou uma das personagens favoritas da história. atrás somente de Graeme.

"Ela gostava de Graeme. Quanto mais tempo passava em sua presença, mais gostava dele e o respeitava." 

Falando de Graeme não posso deixar de falar que também me apaixonei por esse personagem. Ele é um guerreiro, laird do clã, mas no fundo o cara é um guerreiro super fofo. Graeme vai fazer de tudo para que Eveline se sinta em casa e a primeiro momento vai se culpar por desejar uma mulher que pode ser louca. Ele vai fazer de tudo por Eveline e uma vez apaixonado esse guerreiro vai virar um ursinho. Graeme tem pulso firme com seu clã, mas se tratando de Eveline o seu coração amolece. Amei esse casal e toda a história deles. Com certeza leria mais 100 páginas dessa história linda.



Os personagens secundários aparecem a todo momento e os que merecem destaque são os irmãos de Graeme que são: Bowen, Teague e a irmã Rorie. Todos no começo ficam com o pé atrás com Eveline, mas pouco a pouco Eveline os conquista. Rorie vai ser uma boa amiga para Eveline a primeiro momento e os irmãos vão estar ali sempre que Graeme precisar. Tem também as mulheres do clã que vai ter o papel de deixar a vida de Eveline mais difícil. Todos tem importância e papel fundamental na história, até mesmo o vilão que apareceu tão pouco.

"Ela o atraía de um modo peculiar. Falava diretamente com o seu coração. Inspirava sentimentos de proteção e feroz possessividade que ele não sabia nem gostava de sentir." 

Como todos os outros livros da Maya esse livro também é erótico, mas não um livro carregado com essas cenas. Todas as cenas acontecem no tempo certo para você malucas por romances suspirar, e quando acontecer vai ser babado!  Esse casal tem química e uma vez que se entregar a essa paixão será avassalador.

A capa eu achei linda, achei a cara de Eveline. O livro é escrito em terceira pessoa nos dando os pontos de vistas dos personagens. O livro tem 416 páginas que li somente em dois dias, só não li direto porque tinha que dormir, senão leria numa sentada só. Os capítulos são curtos e a cada virada de página você fica vidrada para saber o que estar por vir. A escrita de Maya é viciante e uma vez que você começar a leitura não vai conseguir largar, e quando terminar vai querer o próximo livro em mãos. O próximo livro se chama O Mais Desejado dos Highlanders e conta a história de Bowen, irmão de Graeme. O livro já foi publicado pela editora Universo dos Livros e já terminei esse correndo pra pegar o segundo. Bowen é um personagem que atiçou a minha curiosidade e não vejo a hora de ler.

Achei incrível como a autora abordou a surdez de Eveline e como ela consegue te prender em cada página. O amor do casal foi também o charme dessa história, mesmo sendo inimigos mortais ficaram apaixonados. Amor proibido, mocinha quebrada e um mocinho guerreio e fofo foi a receita do sucesso desse livro. O ponto alto do livro foi as reviravoltas e a tensão de como Eveline ia se sair com o clã. O ponto baixo não teve, então nada mais justo do que 5 estrelas. Perfeito do início ao fim!

"De algum jeito, vou fazê-la me ouvir e saberá que eu te amo tão profundamente quanto é possível para um homem amar uma mulher."

Seduzida por um Guerreiro Escocês é perfeito para você  que é Malucas por Romances e que gosta de romances de época com guerreiros. Com uma escrita viciante a autora te prende nas primeiras páginas, e no final deixa o leitor pedindo bis e desesperados por mais livros da autora. Uma linda história de amor com uma mocinha surda e um guerreiro justo. Você que é Malucas por Romances tem que ter esse livro na estante. E isso não é um pedido, é uma ordem!





7 comentários:

  1. Eu pedi recomendações de livros no grupo essa semana e várias pessoas falaram desse livro, adorei a resenha e de cara já gostei da Eveline, adoro mocinhas fortes, vai ser minha primeira leitura de época, já li outros livros da Maya e gosto muito da escrita dela.vlw pela resenha e vamos ao leitura.

    ResponderExcluir
  2. Oi Ana,
    Maya Banks anda lançando livros a torto e a direito e ainda não li nenhum deles. Seduzida por um Guerreiro Escocês já me chamou atenção pela ambientação da história, pois conhecer a Escócia através de guerreiros e um romance nada convencional deve ser bem interessante. Casamentos arranjados não são surpresas em romances de época, mas arranjos entre clãs inimigos são. A Eveline é a personagem mais esperta que já ouvi falar neste tipo de história, mas também é insegurança e tem desejos como toda mulher (dá para se identificar e torcer para ela neste ponto). Achei a capa linda e parece fazer jus a história.

    ResponderExcluir
  3. a Maya é mesmo maravilhosa ! Esses livros com guerreiros escoceses me deixam babando na história, porque é cada casal lindo ne? Já li esse livro tem um tempinho, mas lembro como foi delicioso ler e conhecer personagens tão maravilhosos, e com uma mensagem tão bacana quando traz a mocinha com uma deficiência. Super indico a leitura também :) Beijos

    ResponderExcluir
  4. Que livro mais fofo! Anda não li nada de romance de época dessa autora. Já li uma trilogia dela que é erótica e confesso que não gostei muito. Porém esses livros eu quero ler, pois falam que é maravilhoso.
    Adorei a trama que você descreveu e eu sei que vou suspirar horrores.

    ResponderExcluir
  5. Ana!
    Fiquei encantada com Eveline por ser forte, apesar de sua surdez e não deixar ninguém perceber sua dificuldade.
    Imagino o quando deva mesmo ter ficado arrebatada pela leitura, porque fiquei assim apenas em ler suas resenha, imagina se conseguisse ler o livro.
    A autora arrasa, né?
    "...Aceite com sabedoria o fato de que o caminho está cheio de contradições. Há momentos de alegria e desespero, confiança e falta de fé, mas vale a pena seguir adiante..."(Paulo Coelho)
    Cheirinhos
    Rudy
    TOP COMENTARISTA DE AGOSTO 3 livros, 3 ganhadores, participem.

    ResponderExcluir
  6. Achei legal como a autora abordou um tema surdez e como essa deficiência afeta a personagem e que faz ela se tronar uma mulher forte. Achei a sinopse bem cativante e acho que eu leria esse livro, apesar de ser um romance de época – um gênero que não me agrada tanto. Vou dar uma chance e ver eu vou gostar.
    Ótima resenha como sempre.
    Beijos.

    ResponderExcluir
  7. eu amei esse livro, é um dos meus favoritos.

    ResponderExcluir